AIPA

AIPA atribui à qualidade de Sócia Honorária a Celina Pereira

No âmbito de um jantar que se realizou ontem em Ponta Delgada e que contou a presença de mais setenta pessoas a AIPA atribuiu a qualidade de Sócia Honorária à artista cabo-verdiana Celina Pereira. Pelo percurso notável que a artista tem feito na valorização e divulgação da cultura cabo-verdiana, pelo contributo prestado no reforço das relações entre Portugal e Cabo Verde e, não menos importante, o papel de activista na divulgação e do Diálogo Intercultural, a AIPA entendeu prestar essa modesta homenagem à Celina Pereira. Celina Pereira junta-se, desta forma, a um conjunto de individualidades que a AIPA já distinguiu com o Diploma de Sócio Honorário como é caso da Cesária Évora, Tito Paris, Carlos César entre outros. Pequena Nota Biográfica A oradora é professora de formação tendo já desenvolvido acções de formação sobre a temática da interculturalidade nos Estados Unidos e em Portugal desde anos 90. É membro da Fundação Menuhin, que difunde a educação intercultural e fez já acções de Contadora de Estórias, baseadas nos seus audio-livros "Estória, Estória", em Portugal, Cabo Verde, Estados Unidos, França, Itália, Bélgica, etc. Cantora, na sua faceta mais pública, Celina Pereira está a comemorar em 2009 os seus 40 anos de trajecto musical, sendo um dos nomes mais emblemáticos da música tradicional cabo-verdiana. A sua pesquisa das raízes culturais de Cabo Verde, entrelaçada com o seu trabalho em prol da Lusofonia, valeram-lhe já inúmeros prémios internacionais, como a Medalha de Mérito de Cabo Verde ou a Comenda da República Portuguesa.

Publicado: Domingo, 01 Novembro, 2009

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter