AIPA

Casa dos Açores do Ontário tem 650 sócios

Desde que foram inauguradas as novas instalações, a procura pela Casa dos Açores do Ontário tem vindo a aumentar. O espaço serve de apoio e de ponto de encontro dos açorianos residentes no Canadá. A Casa dos Açores do Ontário, localizada em Toronto, serve de ponto de encontro e de apoio para a comunidade açoriana residente na capital canadiana. Neste momento, a instituição conta com 650 sócios activos, um número que tem vindo a crescer nos últimos anos. Os responsáveis pela Casa dos Açores afirmam que “que depois da inauguração das novas instalações, a procura tem vindo a aumentar, principalmente agora em que podemos prestar serviços de ajuda aos cidadãos, através do escritório da Rede Integrada de Apoio ao Cidadão. Em termos das actividades, a Casa dos Açores organiza acções actividades culturais, sociais e tradicionais. Por exemplo, uma vez por mês, é organizado um jantar dedicado a cada ilha dos Açores, sendo que os responsáveis pela casa pretendem começar a trazer uma pessoa da própria ilha para a representar neste jantar. Todos os anos é organizada a semana cultural, que este ano será subordinada ao tema "Açorianos, os laços que nos unem". Por outro lado, a casa está, também, ligada à ACAPO (Associação de Clubes e Associações Portuguesas do Ontario), promovendo em conjunto várias actividades sociais e culturais para a comunidade portuguesa. O ano passado foi realizado o projecto de “Cidadania Canadiana”, que pretendeu ajudar os portugueses a adquirir nacionalidade canadiana, e que será repetido, possivelmente, no próximo mês de Setembro ou em Outubro. Recentemente, aquando das comemorações do Dia dos Açores em Toronto, abriu um posto da Rede Integrada de Apoio ao Cidadão, mais uma valência que pretende ajudar os açorianos residentes no Canadá. A Casa dos Açores desenvolve, ainda, actividades de fórum educacional, através da escola portuguesa, de forma a que os filhos e netos de emigrantes possam aprender a língua portuguesa. Entre outras actividades, registe-se ainda aquelas que promovem algumas tradições culturais e religiosas dos Açores, como sejam o caso das cantigas ao desafio, das festas do Espírito Santo, sendo também, uma vez por outra, organizadas noites de fado. Ponto de encontro dos açorianos residentes em Toronto, a Casa dos Açores regista, assim, cada vez maior procura. Existem divisões na comunidade açoriana Ao contrário do que se possa pensar, não existe total união entre a comunidade açoriana residente no Canadá. O presidente da Casa dos Açores do Ontário diz que “infelizmente existem divisões, embora já tivesse havido mais. Um dos objectivos quando assumi a presidência da casa foi, precisamente, lutar para que a comunidade açoriana se unisse mais, mas esse não é um processo assim muito fácil. Não existem rivalidades só de ilha para ilha, mas também numa só freguesia podemos encontrar essas divisões. Tenho por hábito dizer que esta é uma herança que herdamos desde o tempo de Salazar, e que agora é um pouco difícil de ultrapassar. Contudo, lutamos para que um dia sejamos só um. Quando assim for, seremos muito mais fortes”. PEDRO BOTELHO pedrobotelho9@hotmail.com 10 de Julho de 2009

Publicado: Segunda, 13 Julho, 2009

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter