AIPA

AIPA transforma-se em IPSS

A Associação de Imigrantes dos Açores (AIPA) vai ser equiparada a uma instituição particular de solidariedade social (IPSS). O primeiro protocolo de cooperação com o Instituto de Acção Social é assinado em breve, o que vai permitir o funcionamento regular e a sustentabilidade financeira da associação. O anúncio foi feito na tomada de posse dos novos órgãos sociais da AIPA, ao fim da tarde, quarta-feira, por Paulo Mendes, reeleito presidente da direcção. Este protocolo, segundo Paulo Mendes, vai permitir que a associação possa "trabalhar de forma mais regular e sustentada em prol dos imigrantes", que nos Açores já totalizam 7661. De forma a que a AIPA continue a funcionar de forma "autónoma e estruturada", pertencem aos novos órgãos sociais várias pessoas provenientes de várias países , tendo sido criados sete departamentos ligados à cultura, de apoio jurídico, emprego e formação, desporto, língua e cultura portuguesas e ainda departamentos do Leste e de estudantes. Para Paulo Mendes esta representatividade vem ao encontro de um grande objectivo da AIPA e que se prende com " o envolvimento activo dos próprios imigrantes no processo de integração". Dos projectos da AIPA até 2007 está previsto o alargamento da instituição a outras ilhas e fortalecer as parcerias com outras instituições, para minimizar situações de precariedade laboral, situações de discriminação e no acesso à saúde dos imigrantes. Fonte: Jornal Acoriano Oriental - 25/02/05

Publicado: Sexta, 25 Fevereiro, 2005

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter