AIPA

A Pesca: um elo de ligação entre os Açores e Cabo Verde

Dada a sua condição de arquipélago, para Cabo Verde, à semelhança dos Açores, o mar, e por consequência, a actividade piscatória, tem uma forte importância na estruturação cultural, social e económica. Se tivermos em atenção o seu peso na formação do PIB (1% em 2004), a actividade da pesca vem desempenhado uma modesta contribuição na economia cabo-verdiana. Porém, numa leitura mais ampla, esta importância é muito mais decisiva do que a reflectida por este indicador económico, concorrendo para o emprego, segurança alimentar das populações, etc. Nos Açores, cerca de 23% dos cabo-verdianos trabalham na actividade piscatória, sobretudo nas Ilhas de S. Miguel e Pico, sendo que o incremento deste fluxos migratório teve na sua base a actividade piscatória, nomeadamente, a vinda na década de 70 de pescadores da Ilha de S. Nicolau. Face a este paralelismo, faz todo o sentido conhecer melhor a centralidade que as pescas representam para os dois arquipélagos, que vivenciam uma forte cumplicidade. "Açoriano Oriental"

Publicado: Tera, 04 Maro, 2008

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter