AIPA

Três cabo-verdianos encontrados mortos

Os três cabo-verdianos encontrados sem vida numa residência na vila da Madalena são hoje autopsiados. Com idades compreendidas entre os 29 e os 32 anos, os três homens terão morrido devido à inalação de gás butano de uma botija instalada na cozinha da moradia. Os corpos foram encontrados no sábado por um vizinho das vítimas, também natural de Cabo Verde, alertado por um forte cheiro a gás no exterior da habitação. O vizinho chamou as autoridades, que encontraram os três homens, trabalhadores da construção civil, deitados nas respectivas camas, o que poderá indiciar que não se terão apercebido da fuga de gás. Depois de transportados para a morgue do Centro de Saúde de São Roque do Pico, as vítimas serão hoje autopsiadas por ordem do tribunal local. Fonte: Açoriano Oriental

Publicado: Segunda, 03 Janeiro, 2005

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter