AIPA

Semana Nacional das Migrações dedicada aos ucranianos em Portugal

De acordo com uma notícia da Agência Lusa, de 4 de Agosto, "os emigrantes portugueses espalhados pelo mundo e os cerca de 70 mil ucranianos que vivem em Portugal vão ser homenageados durante a Semana Nacional das Migrações, que arranca sábado mas tem o ponto alto nos dias 12 e 13 em Fátima. A Obra Católica Portuguesa das Migrações (OCPM) organiza este ano pela 34ª vez a Semana Nacional das Migrações, iniciativa dedicada anualmente aos portugueses residentes no estrangeiro e que no mês de Agosto costumam visitar Portugal, explicou à Agência Lusa o padre Rui Pedro, da OCPM. Desde o ano passado que a OCPM está a dar especial atenção às maiores comunidades de imigrantes residentes em Portugal, por isso este ano a iniciativa é também dedicada aos ucranianos, adiantou. Com o tema "Migrações: Sinal de Tempos Novos", inspirada na mensagem do papa Bento XVI para a Jornada Mundial do Migrante e Refugiado, a Semana Nacional das Migrações conta com a presença do bispo D. Dionísio Lachovicz, responsável pelo Departamento da Pastoral dos Ucranianos no Exterior. Além de presidir à cerimónia religiosa em Fátima programada para os dias 12 e 13, D. Dionísio Lachovicz terá ao longo da semana encontros com autoridades políticas, civis e associativas com vista a inteirar-se pessoalmente do processo de integração e das dificuldades das comunidades ucranianas e das suas associações, disse o padre Rui Pedro. O bispo ucraniano vai encontrar-se com o director-geral do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Manuel Jarmela Palo, e com o Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas (ACIME), Rui Marques. A comunidade ucraniana é a segunda maior residente em Portugal, com cerca de 70 mil pessoas, depois dos brasileiros, e a maior parte é ortodoxa. A Semana Nacional das Migrações, que se inicia sábado com a 12ª peregrinação dos africanos a Fátima, conta ainda com a presença dos bispos D. Joseph Voff, presidente da Comissão Episcopal das Migrações da Alemanha, e D. António Vitalino, presidente da Comissão Episcopal da Mobilidade Humana. O padre Rui Pedro salientou que a presença de um bispo alemão no evento está relacionada com o elevado número de portugueses que vivem na Alemanha. D. Joseph Voff e D. António Vitalino presidem às celebrações no santuário de Fátima, dia 12, dedicado aos emigrantes portugueses, e D. Dionísio Lachovicz estará nas cerimónias religiosas do dia 13, quando os imigrantes ucranianos são homenageados". CMP. Lusa

Publicado: Tera, 08 Agosto, 2006

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter