AIPA

“Este é o meu corpo”, um documentário que fala sobre a mutilação genital feminina em Portugal

"Este é o meu corpo" é um documentário de Inês Leitão que testemunha o fenómeno da mutilação genital feminina em Portugal.

Foram dois meses de gravação e edição mas foram muitos mais de recolha de testemunhos, estatísticas e depoimentos do lado das instituições políticas, da saúde ou da justiça.

Inês Leitão socorreu-se do apoio de uma instituição para conseguir falar com três mulheres em Portugal que passaram pela prática. As três são guineenses.

Uma delas contou a Inês que, até hoje, não consegue esquecer-se da música que estava a tocar no momento em que o fanado aconteceu. Outra foi mutilada e não queria que o ritual se repetisse com a sua filha. Mas o ato acabou por acontecer à sua revelia. A família foi passar férias à Guiné e, um dia, a menina ficou com os avós. Tinha três meses. Foi aí que a mutilação aconteceu.

O objetivo da realizadora era criar uma "linha de conhecimento" sobre o fenómeno e "deixar um registo para memória futura sobre o que aconteceu em termos de mutilação genital feminina em Portugal".

Estima-se que no país terão sido mutiladas mais de 6500 mulheres.

Veja o documentário aqui.

Publicado: Tera, 07 Fevereiro, 2017

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter