AIPA

Resgatados 4600 migrantes no Canal da Sicília, 28 morreram

Texto: DN | Foto: Direitos Reservados 

Condições favoráveis no mar provocaram um aumento do fluxo migratório a partir do norte de África nos últimos dias.

Um total de 4.655 imigrantes foram resgatados esta terça-feira em várias operações de salvamento no Canal da Sicília, em que foram encontrados os corpos de 28 pessoas, informou a Guarda Costeira italiana.

Na terça-feira, o Canal da Sicília, que separa a costa meridional da Itália da costa norte-africana, voltou a ser palco de uma vaga de imigrantes, sendo resgatados 4.655 que viajavam de forma precária em 33 embarcações.

O navio espanhol Astral, pertencente à organização não-governamental Proactiva, encontrou uma embarcação de madeira a poucas milhas da costa da Líbia onde tinha deflagrado um incêndio e onde estavam pelo menos 22 cadáveres, apesar de as autoridades italianas não especificarem se o seu balanço contabilizou estas vítimas.

"Morreram por asfixia ao tentar sair do interior, acreditamos. O barco tinha desviado para águas territoriais líbias devido às correntes e ao tempo que as operações de resgate demoraram", detalhou a ativista Laura Lanuza, que destacou que o Astral estava sozinho no local.

As condições favoráveis no mar provocaram um aumento do fluxo migratório a partir do norte de África, especialmente da Líbia - só na segunda-feira foram resgatados mais de seis mil imigrantes.

Na tarde de terça-feira, as autoridades tiveram de transportar para terra de emergência quatro imigrantes de apresentavam problemas de saúde, incluindo uma mulher grávida.

Esta nova vaga de chegadas acontece três anos depois da "tragédia de Lampedusa", um naufrágio ocorrido a 03 de outubro de 2013 em que 366 imigrantes morreram.

De acordo com a Organização Internacional para as Migrações, este ano 300.450 imigrantes chegaram à Europa por mar, dos quais 166.000 desembarcaram na Grécia e cerca de130.000 em Itália.

 

Segundo este organismo, 3.500 imigrantes morreram a tentar chegar solo europeu.

Publicado: Quinta, 06 Outubro, 2016

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter