AIPA

Música pela tolerância a migrantes

Texto: Fátima Missionária | Foto: Direitos Reservados 

Depois de casos de violência xenófoba na África do Sul, as Nações Unidas querem melhorar a imagem da migração e recomendar políticas para solucionar o problema. A música é um dos meios para a mudança desejada

Após ataques xenófobos na África do Sul, que decorrem desde o final do passado mês de março, a Organização Internacional para Migrações (OIM) está a lançar uma campanha que apela à tolerância e à coesão social, numa tentativa de combater o problema. Neste âmbito, foi lançada a música «I am Migrant Too» ou «Também sou Migrante», em tradução livre, que conta com a parceria de 18 órgãos de comunicação social locais. O tema é interpretado por vários músicos sul-africanos.

Além da música, outras ações para travar o problema incluem a melhoria da imagem da migração, políticas para que o governo resolva a questão com a sociedade civil, a promoção da convivência pacífica e produtiva e análise das causas profundas da violência contra os migrantes.

A recente onda de violência contra migrantes na África do Sul afetou as províncias de KwaZulu Natal e de Gauteng. Em três semanas, pelo menos sete pessoas morreram e mais de oito mil migrantes foram deslocados. Várias vítimas estão albergadas em abrigos geridos pelo governo, igrejas, mesquitas e organizações não governamentais.

 

A OIM enviou já autocarros a vários países vizinhos para ajudar os seus cidadãos a regressar às suas casas, informa a Rádio ONU. Por outro lado, a agência das Nações Unidas disse que tem facilitado o regresso de menores não acompanhados, migrantes doentes e vulneráveis.

Publicado: Segunda, 04 Maio, 2015

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter