AIPA

"Mandela Day" nos Açores

A AIPA – Associação dos Imigrantes nos Açores associou-se as várias entidades, nomeadamente à Fundação Nelson Mandela, para celebrar também nos Açores o “Mandela Day”.

 

Uma das atividades centrais desta celebração passa por desafiar a população residente nos Açores a usar, preferencialmente até dia 15 de Setembro, 67 minutos do seu tempo para ajudar quem precisa, convergindo com o objetivo global do “Mandela Day”, que é inspirar as pessoas a desenvolverem ações para ajudar a transformar o mundo num lugar melhor e contribuírem, desta forma, para construir um movimento global visando o bem.

 

Neste tempo particularmente difícil que estamos a atravessar, e não obstante das responsabilidades que os diferentes agentes e instituições públicas têm em todo o processo de deterioração da existência coletiva, não devemos, nem podemos alhear-nos da nossa responsabilidade individual de contribuir para a mudança e a construção de um mundo melhor.

 

Também nos Açores, desejamos uma apropriação do “Mandela Day” e capacitar as pessoas para agir, inspirar a mudança e fazer de cada dia um “Mandela Day”.

 

Face ao enorme contributo que Nelson Mandela deu à África do Sul e ao mundo, servindo de inspiração para as várias mudanças sociais que vão acontecendo um pouco por toda a parte, e perante a fragilidade do seu atual estado de saúde, julgamos que a melhor homenagem que lhe podemos prestar é fortalecer e ampliar o nosso compromisso em fazer do nosso bairro, da nossa ilha, da nossa região, do nosso país e do nosso mundo um lugar melhor.

 

Alguns exemplos de atividades que podem ser desenvolvidas:  

 

  • Ajude alguém a encontrar trabalho. 
  • Arranje e imprima um CV para essa pessoa, ou ajude-a na preparação de uma entrevista; 
  • Faça um novo amigo. Conheça alguém proveniente de uma cultura diferente. Só é possível livrar as nossas comunidades da intolerância e da xenofobia através da compreensão mútua; 
  • Leia para alguém que não pode ler. 
  • Visite um centro de apoio a invisuais e abra uma nova perspetiva para outra pessoa; 
  •  Ajude no centro local de acolhimento de animais. Os cães sem dono precisam de passeios e de afeto; 
  •  Ajude um vizinho idoso que não possa ir até ao centro comercial/realizar as suas tarefas; 
  • Conserte os buracos na estrada do seu bairro; 
  • Escreva para o vereador da sua câmara sobre um problema na zona que requer especial atenção e que, com as suas capacidades, não consegue resolver; 
  • Inicie uma horta comunitária para promover a alimentação saudável na sua comunidade; 
  • Leve um saco cheio de brinquedos para um hospital que tenha uma ala para crianças; 
  • Faça voluntariado numa instituição social; 
  • Ofereça-se para dar aulas de reforço numa disciplina onde seja bom; • Faça o teste de HIV e incentive alguém a fazê-lo também; 
  •  Ofereça o seu computador usado mas funcional. Para podermos dar alguma coerência às atividades, sugerimos a inscrição através do e-mail: mandeladay@aipa-azores.com, fazendo referência à atividade que pretende desenvolver e respetivo local. A pessoa deverá fazer-nos chegar uma fotografia da ação e, sempre que possível, tentaremos fazer, através da nossa equipa, a cobertura vídeo da ação. No dia 28 de julho, cada pessoa que aderiu ao projeto terá 67 segundos para partilhar com o público a atividade que desenvolveu e os ensinamentos que dela retirou. Em Setembro, iremos realizar uma conferência sobre Nelson Mandela, com as presenças já confirmadas do jornalista António Mateus (antigo correspondente da RTP na África do Sul e autor do livro “Mandela – A construção de um homem”), Rui Marques, ex-Alto Comissário para a Imigração e Diálogo Intercultural, entre outros convidados. O “Mandela Day”, que se celebra em todo mundo na próxima 5.ª feira, dia 18 de julho (dia de aniversário de Nelson Mandela), foi estabelecido pelas Nações Unidas. 67 Minutos porque foram esses os anos que Mandela dedicou à causa pública e à luta pelos direitos humanos, contra o Apartheid. A AIPA apela a um forte envolvimento das pessoas neste gesto simbólico de apropriação, pela primeira vez na Região, do “Mandela Day”.

 

Publicado: Quarta, 17 Julho, 2013

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter