AIPA

Menos estrangeiros com apoio

A crise económica e o agravamento do desemprego está a obrigar muitos estrangeiros a saírem de Portugal – muitos regressam ao seu país de origem, outros vão procurar oportunidades de trabalho noutros destinos. O resultado é uma diminuição do número de imigrantes a pedir subsídio de desemprego: em Setembro, contavam-se 16.947 beneficiários estrangeiros a receber prestações de apoio ao desemprego. Uma ligeira subida face ao mês anterior, mas que não trava a lente curva de diminuição do número de imigrantes com este subsídio social. O “pico” de beneficiários de nacionalidade estrangeira verificou-se em Fevereiro, segundo revela a informação estatística da Segurança Social, havendo então 19.015 pessoas a receber subsídio de desemprego ou subsídio social de desemprego. Os brasileiros são o grupo mais numeroso dos beneficiários de nacionalidade estrangeira (com 5569 pessoas a receberem subsídio de desemprego), seguindo-se os imigrantes oriundos dos PALOP (4555 pessoas).

Açoriano Oriental, 8 de novembro de 2011.

Publicado: Tera, 08 Novembro, 2011

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter