AIPA

Crise reduz número de imigrantes

Miguel Macedo comenta relatório do SEF.

O ministro da Administração Interna disse que a crise que o país atravessa é uma das razões que levou à diminuição do número de cidadãos estrangeiros em Portugal, em 2010. Miguel Macedo falou aos jornalistas na apresentação do Relatório de Imigração, Fronteiras e Asilo (RIFA), elaborado pelo Serviços de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), que mostra que, em Dezembro de 2010, existiam em Portugal cerca de 445.262 cidadãos estrangeiros, menos 1,97 por cento do que em 2009. «Esta diminuição deve-se ao facto de o país estar em crise e ser uma menor atracção para os fluxos migratórios, entre outras razões», afirmou. Além da crise económica e financeira do país, o SEF refere que houve também um crescimento do acesso à nacionalidade portuguesa por parte de estrangeiros residentes.

TVI 24, 25 de Julho de 2011.

Publicado: Segunda, 25 Julho, 2011

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter