AIPA

Menos portugueses a casar com estrangeiros

Os casamentos entre portugueses e estrangeiros diminuíram consideravelmente em 2010, por comparação a 2009. Realizaram-se menos 40% destas uniões (2876), das quais apenas 13 com indostânicos (12 com indianos). Em 2008, foram 5603 casais (9,2% do total). Há dois anos, 385 portuguesas casaram com paquistaneses e 143 com indianos. Em 2009, diminuíram para 15 e para 23, respectivamente. E, em 2010, praticamente não existiram, segundo os registos das conservatórias. Tal como no ano anterior, uma grande parte dos casamentos mistos (45%) são com brasileiros, sobretudo de portugueses com mulheres brasileiras, em 82% dos casos. No último ano, assistiu-se a uma descida significativa dos casamentos comparativamente a 2007 e a 2008 (o pico destas uniões), o que acompanha a tendência de diminuição dos matrimónios em Portugal (30 009, menos dez mil do que em 2009). Mas os casamentos mistos tinham vindo a aumentar. "Gostaria de pensar que a nossa actuação contribuiu para essa diminuição, mas há outros factores, nomeadamente a diminuição de imigrantes", sublinha Luísa Gonçalves, directora da Direcção Central de Investigação, Pesquisa e Análise de Informação, do SEF. Apesar "de ser cedo para se fazer um balanço da nova lei", "acredito que o facto de se criminalizar esta conduta tem um efeito dissuasor, até por parte das nubentes".

DN Portugal, 30 de Janeiro de 2011.

Publicado: Tera, 01 Fevereiro, 2011

Retroceder

Associe-se a nós AIPA

Agenda

Subscreva a nossa newsletter